Memórias de muitos anos de reportagens. Reflexões sobre o presente. Saudades das redacções. Histórias.
Hakuna mkate kwa freaks.











segunda-feira, julho 09, 2007

O malandro do Carlos Pinto Coelho escreveu: "Quero partilhar contigo a imagem dos campos alentejanos quando saí de casa, esta manhã. A sete minutos de viagem, não resisti, parei o carro e guardei para sempre a memória de um espectáculo."

E eu que nas ultimas cinco semanas tenho apanhado chuva todos os dias, não posso deixar de partilhar tanta luz.

18 comentários:

VN disse...

É, este alentejo tem estado luminoso :-)
mas de certeza que a tua Paris, também está mais luminosa :-)
Um abraço gr.

DL disse...

Bem-vindo a Paris...

inominável disse...

pois... é o verão centro-europeu...

Sailor Girl disse...

Vão ao Atlântico Azul ver o filme que coloquei hoje sobre a Regata Moita-Vila Franca de Xira-Moita do passado fim-de-semana! Starring Amigos Moita, com Pedro Ayres de Magalhães e Teresa Salgueiro ao leme!!!

-pirata-vermelho- disse...

Olh'o que cá se passa!
http://divasecontrabaixos.blogspot.com/2007/07/censura.html

(a ver s'acredita...)

-pirata-vermelho- disse...

( http://divasecontrabaixos.blogspot.com/2007/07/clicar-na-imagem-para-aumentar.html

sem comentários...)

NINHO DE CUCO disse...

É interessante como as mesmas coisas podem ser vistas de formas tão diferentes. Passeei por Paris com outros olhos mas o Alentejo esse recebe sempre um olhar comum, o olhar da luz, da imensidão e de uma certa magia.

O SILÊNCIO CULPADO disse...

Os campos alentejanos têm uma luz única, algo que sentimos dentro de nós por mais vezes que se olhe. Apesar de ser a cidade das luzes não gosto de Paris especialmente quando há luz no Alentejo.

residente disse...

A população de uma rua da cidade de Almada está indignada com a falta de ética política e desrespeito a compromissos assumidos por alguns autarcas, nomeadamente a Presidente da CMAlmada, que não querem respeitar uma decisão democrática do Governo, a favor dos residentes locais.
Aceda a http://triangulodaramalha.blogspot.com e veja as razões dos moradores.
A imprensa escrita não divulga actualmente esta atitude antidemocrática da Presidente da Câmara e seus acompanhantes.

Sónia disse...

O malandro do Carlos Narciso anda sem escrever há muito tempo. demasiado. Blogda-se!!

Por isso serve este comentário para reivindicar a actualização do blog.

QUEREMOS MAIS POSTS; QUEREMOS MAIS POSTS; QUEREMOS MAIS POSTS!

Francieli Rebelatto disse...

Interessante ter te encontrado entre os respingos de uma vasta e bonita experiência de vida, de percepções de mundo. Deste lado do oceano passarei mais vezes para acompanhar teus passos...

Belíssimo...beijos e um ótimo final de semana!!!

Phwo disse...

Gostei da foto. Fez-me lembrar o filme de David Lynch, "Uma história simples".
Bj.

Ida disse...

Fazem falta teus comentários e textos. Nunca mais é dia de escrever? Pus-te numa lista de desafio simplesmente pq aprecio teus pontos de vista, se quiseres dá-los vai no sulburbio. Outros já devem tê-lo feito e eu entendo se não quiseres dar o ar da tua graça. Há momentos em que estamos virados para dentro. beijo do sul

Ana Clara disse...

O olhar incrível do Carlos! Muito bonito este olhar diferente, mas tão característico, do nosso Alentejo.

Klatuu o embuçado disse...

Chuva...? Vai lá, vai! Mas sempre é melhor que morteirada! ;)

Abraço.
P. S. Diga-nos alguma coisa das escandaleiras que por aí andam... :)=

♥≈Nღdir≈♥ disse...

Chegou ao fim mais uma semana marcada pelo cansaço e pela ausência na net…
Sinto saudades dos espaços que normalmente visito e das pessoas
Hoje uma breve passagem apenas   

ღღ ¸..´para desejar¸..*´¨)*´¨)
  ¸.•´¸.•*´¨)um ღ ¸.•*¨)
  (¸.•´ ღღ (¸.•` ღღ Bom fim de Semana* ღღ
       ¸.•*¨)             
    (¸.•´ ღ (¸.•*´¨¨*Beijinhos*´¨¨*•.¸ღ .•*¨)

Pedro Nunes disse...

A propósito das notícias surgidas no Diário de Notícias de que "O empresário Alpoim Calvão foi impedido, na sexta-feira, de sair da Guiné-Bissau e está sujeito a termo de identidade e residência por alegado envolvimento no desaparecimento de uma estátua na ilha de Bolama, disse ontem à Lusa a Polícia Judiciária guineense."

"A estátua em bronze do antigo presidente norte-americano Ulysses Grant, da autoria do escultor Português Manuel Pereira da Silva, foi erguida em Bolama, no arquipélago dos Bijagós, em memória do papel decisivo que o antigo presidente dos Estados Unidos teve no desfecho do diferendo entre Lisboa e Londres sobre a ilha guineense."

O desaparecimento da estátua da ilha de Bolama foi denunciado em meados de Agosto por um cidadão anónimo, tendo o caso sido entregue à Polícia Judiciária da Guiné-Bissau.

"As investigações ocorreram na sequência de uma denúncia", afirmou um inspector da Polícia Judiciária guineense, acrescentando que a estátua foi encontrada enterrada num buraco.

"Há nacionais e estrangeiros envolvidos, nomeadamente Alpoim Calvão", sublinhou.

Segundo o inspector, o empresário português já foi ouvido e reconheceu que a sua empresa de sucata comprou uma parte da estátua.

"Ficou com termo de identidade e residência até o caso ser esclarecido", afirmou.

Eu como filho do escultor Manuel Pereira da Silva fiquei preocupado com a notícia e ao fazer uma pesquisa na web encontrei este fantástico blogue sobre a Guiné-Bissau. Espero que não me leve a mal, mas gostaria de saber mais sobre o que aconteceu a esta estátua.
Um abraço,
Pedro Nunes

enforcadinho disse...

novo blogue de desabafos diários, informação, desporto, cultura e politica

não deixem de passar por esta afamada rua

http://ruadosenforcados.blogspot.com/

AddThis

Bookmark and Share

Acerca de mim

A minha foto
Jornalista; Licenciado em Relações Internacionais; Mestrando em Novos Média

Seguidores