Memórias de muitos anos de reportagens. Reflexões sobre o presente. Saudades das redacções. Histórias.
Hakuna mkate kwa freaks.











quinta-feira, fevereiro 11, 2010

Liberdade em perigo? Ou Justiça em perigo?


Há aqui um paradoxo absurdo neste drama das escutas do caso “Face Oculta”. Por um lado, os envolvidos pela suspeita querem que os preceitos legais do segredo de justiça não sejam aplicados, que as transcrições sejam integralmente publicitadas e publicadas na imprensa. O juiz que tem o caso não deixa. Simultaneamente, ele ou alguém que tem acesso ao processo, passa para os jornais excertos das escutas, parcelas que não sabemos bem se estão descontextualizadas ou, mesmo, se são verdadeiras. Se a coisa fosse feita às claras, seria o próprio juiz, ou alguém por ele, a validar as transcrições, a colar o selo e a remeter o envelope para as redacções. E evitava-se este estendal à volta de um segredo de justiça que ninguém respeita e evitavam-se providências cautelares e alegações de que a liberdade de expressão está em perigo.

14 comentários:

Fada do Bosque disse...

Aqui vai o poder acima do poder... o obscuro:
Não digam nada a ninguém... é privado.

http://paramimtantofaz.blogspot.com/search/label/Jos%C3%A9%20Eduardo%20Moniz

Para mim, ambas estão em perigo a Justiça aliás já há muito que não existe, levando a constatar que e Liberdade já se foi.

Fada do Bosque disse...

Não foi pela Liberdade de expressão e por uma informação livre que o Carlos, bem como Orlando Castro, Emídio Rangel e muitos outros estão no desemprego?
Aqui há que obedecer ao demónio... e como o não fizeram e lutaram pela Democracia, Traaapta!... desemprego.
Isto não é um Estado de Direito, Carlos, sabe-o melhor do que eu... veja o que me ensinou sobre a Telecinco. Obrigada por ensinar tanto no seu blogue. O pior são os que nada sabem... os que acreditam, andam todos baralhados!

Fada do Bosque disse...

Tope esta novidade, Carlos... Já sei fazer links directos!!! :)) Sózinha! :))

CN disse...

boa! e agora pode ensinar-me.

Fada do Bosque disse...

É muito fácil e vai aqui:
1 Faz o comentário na caixa.
2 Vai colocar o link em "Nova Mensagem" no seu blogue, como se fosse para fazer um post.
3 selecciona tudo e cola na caixa de comentários. Envia o comentário e aparece assim. Link directo.
Ou então faz o comentário todo em "Nova Mesagem ou Post" Selecciona tudo, copia e cola na caixa de comentários... de caras! :)) e andava eu aqui ás aranhas. :))

Quanto à nossa "democracia" uma pessoa amiga enviou-me um email com este site eslcarecedor (nada que o Carlos não saiba há muiiitos anos) e disse: - Toma atenção! se comentares não digas nomes, é que o polvo este deve ler...
Já viu?! Se eu disser que Balsemão é a "cabeça" do polvo posso estar em maus lençóis?! é isto uma Democracia?! Credo que a Nova Ordem ainda me enfia em Guantánamo!!! :))

Fada do Bosque disse...

Carlos, se não sair em link directo, foi porque me esqueci de Guardar, ou gravar antes de copiar... é que já me aconteceu hoje... principiantes. :))

Karocha disse...

LoooLLLL Fada!
Pode ser feito de duas maneiras o meu rapaz mais velho que percebe muito de PCs ensinou-me.
Hoje vou estar c/ele se quiser CN mando-lhe.
O rapaz começou a mexer em PCs aos 6 anos e virou Economista eheheh

Fada do Bosque disse...

LOLLL Karocha! Já viu o trabalho que eu faço? comecei a mexer num PC há uns meses e que não precisei da ajuda da minha filha?! :))
Eu sei muito bem que o Carlos é mais do que entendido, um Ás, em novas tecnologias, mas fica para quem quiser saber... :))

Fada do Bosque disse...

Então o seu filho ensinou-a Karocha e precisa de estar com ele para enviar a explicação?! A Karocha saiu-me um ponto! :))

Karocha disse...

Ai vai!

Abrir link numa nova página:

TEXTO

Exemplo:
Queremos que apareça VER AQUI e clicando vá dar à pagina que pretendemos mostrar; então substitui-se URL pelo endereço da página e TEXTO por VER AQUI.

Fada do Bosque disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Karocha disse...

Ainda bem Fada que eu sou um ponto.
Passo a explicar:
-O "Ponto" apanhou com uma camioneta fora de mão de frente, esteve a morrer, esteve em coma, acordou amnésica e teve de aprender tudo de novo.
Leia o De profundis valsa lenta do Cardoso Pires.
Duvido que consiga entender, só quem passou o sabe
Assinado "O Ponto"

Fada do Bosque disse...

Karocha,
Aqui no norte utilizamos a palavra ponto. para uma pessoa para adjectivar uma pessoa bem humorada, divertida. Conheço-a pelos seus comentários e blogue e foi à conclusão que cheguei... se me considerassem ou se me consideram um ponto, apenas sorrio, ou rio, num achei perjurativo.
Se a ofendi, peço com humildade desculpa, ainda para mais eu ontem estava extremamente bem disposta, ou seja o ponto, sou eu.
Um beijo e as sinceras desculpas, Karocha, pois por tudo o que leio seu, tenho-lhe estima e retiro o que disse.
Apesar de tudo lamento, que tenha passado pelo que passou.

Karocha disse...

Fada

Problemas de comunicação e interpretação acontecem.
Uma boa semana para si.
Bjocas

Karocha

AddThis

Bookmark and Share

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Jornalista; Licenciado em Relações Internacionais; Mestrando em Novos Média

Seguidores