Memórias de muitos anos de reportagens. Reflexões sobre o presente. Saudades das redacções. Histórias.
Hakuna mkate kwa freaks.











sábado, abril 25, 2009

25 de Abril, sempre !


Através da televisão, durante a manhã, estive nas comemorações do 25 de Abril no Parlamento. Ouvi os discursos da praxe e notei que nenhuma bancada ovacionou outro discurso que não o seu próprio… Claro que discursos como o do CDS não merecem aclamação, e percebo que o PS não consiga bater palmas a quem nem mesmo hoje se poupou a críticas à governação de Sócrates, mas que mal vinha ao Mundo se os outros -PSD, PCP, BE e PEV- aplaudissem democraticamente os discursos alheios?
Se nem estas comemorações se conseguem livrar das quezílias partidárias e do calculismo político… ao menos, um pouco de respeito pela grandeza da data.

2 comentários:

Rui Moio disse...

Grandeza da data????

Isabela disse...

Os partidos políticos repetem no Parlamento tudo o fazem fora dele. No trânsito também ninguém se ajuda, de forma geral. O outro é sempre um alvo a abater. Eu não acredito que a natureza humana seja intrinsecamente má, mas as pessoas aprendem a sobreviver sem respeito pelo outro. E tudo o que interessa, no final de contas, é o outro, nunca nós. A política não resulta quando o povo não resulta.

AddThis

Bookmark and Share

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Jornalista; Licenciado em Relações Internacionais; Mestrando em Novos Média

Seguidores