Memórias de muitos anos de reportagens. Reflexões sobre o presente. Saudades das redacções. Histórias.
Hakuna mkate kwa freaks.











quinta-feira, novembro 19, 2009

fosso geracional


Dizia ele na prelecção que entre os jovens dos 12 aos 17 anos, 78% têm computadores portáteis, 71% têm telemóveis e 74% Ipods (qué isso?). E eu a sentir-me velho...

4 comentários:

Fada do bosque disse...

Nem eu sei Carlos!... :)) pelos vistos estamos a caminhar na mesma direcção...
Agora o que lhe digo é, o que mais irão eles inventar, para assediar as gerações futuras?!
Garanto que coisa boa não deve ser... isto do comprimido vermelho, para adormecer consciências, está a tornar-se alarmante. Entretanto os rapazitos, muitos deles e algumas rapariguitas, irão saber quando chegarem da guerra no Afeganistão, ou do Iraque, Congo etc... se é que não ficam por lá para sempre!
Este Mundo, anda anestesiado...
Educação, Moral, promovem? Nem convém... isso é para acabar.

Rui Herbon disse...

Resta saber quando sabem escrever um parágrafo português decente e fazer uma simples conta sem usar a calculadora. Sinta-se novo Carlos.

Simplício Simplório disse...

O Rui Hebron falou bem (ou melhor, escreveu), mas o computador no sentido lato do termo é bem mais velho do que os comentadores anteriores, eu e o autor deste blog; o TM nada mais é do que um sucedâneo da invenção de Bell; e o IPod uma grafonola digitalizada.
A mim o que me preocupa mais é o outro fosso, mais difícil de digerir e bem menos capaz de unir as pessoas...

Cumptos.

Fada do bosque disse...

Eu continuo a barafustar contra o estado de coisas e contra o "comprimido vermelho".

http://www.noticiaslusofonas.com/view.php?load=arcview&article=24634&catogory=Opini%E3o

AddThis

Bookmark and Share

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Jornalista; Licenciado em Relações Internacionais; Mestrando em Novos Média

Seguidores