Memórias de muitos anos de reportagens. Reflexões sobre o presente. Saudades das redacções. Histórias.
Hakuna mkate kwa freaks.











sábado, dezembro 16, 2006

Teorias da conspiração

Circula pela net um power-point com dezenas de fotos do 11 de Setembro de 2001 em Nova Iorque e no Pentágono. Não sou ferveroso partidário de teorias da conspiração, mas admito que elas (as conspirações) existam. Quem me quiser convencer, tem de trabalhar um bocado e apresentar provas e não, apenas, meras conjecturas.

Uma das teorias mais conspirativas é a que aponta para a hipótese do atentado do 11 de Setembro ter sido auto-infligido... confesso que me custa acreditar numa monstruosidade dessas.
Mas, por vezes, surgem evidências que nos põem a pensar... Reparem então nestas fotos, obviamente obtidas nos dias seguintes ao atentado.
O fogo estava já apagado. Os destroços recolhidos. Acham que foi um Boeing que bateu no edifício do Pentágono? ...

Isto cheira a história mal contada, não acham?

16 comentários:

inominável disse...

já ouvi e li tanto de tantos lados que já não sei quam conta o quê... o que sei é que com conta um conto acrescenta um ponto...

escrevi disse...

É bom quando nos interrogamos sobre algo, pelo menos ajuda-nos a sentir que ainda pensamos pelas nossas cabeças.
As conclusões???
Talvez a História venha daqui a uns anos repôr a verdade dos factos.
Para já a interrogação fica:
Será que a verdade oficial é a "verdadeira"?
É dificil falar de alguns acontecimentos sem que nos acusem logo de ser contra ou a favor o poder instituído. Parece que a inteligência humana está confinada ao politicamente correcto.
Apesar do risco atrevo-me a dizer que acredito na teoria da conspiração e perante tudo o que tenho visto sugiro o contrário: provem-me que estou errada.

para mim disse...

São imagens.. não há ali nenhum ponto... Mas, como a CNN dizia que era um avião, passou a ser um avião em todas as redacções no mundo...

Ida disse...

Sempre achei. Não quero assumir uma atitude abertamente hostil a um povo, apenas em consideração ao caráter explícito de uma parcela dos seus políticos e governantes, mas lembro de muitas coisas que vi, li e ouvi na ocasião (sem falar em antecedentes ao episódio) e algo lá no fundo me sinalizava que a história estava mal contada. Pelo menos parte da história. É impossível ignorar pronunciamentos e comportamentos que envolveram esses trágicos episódios, sem contar toda aquela onda de vídeos estrategicamente (e convenientemente) surgidos com culpados assumidos à medida.

Curioso que este post apareça justo hoje. Acabo de ler no JB, no blog do jornalista Marcelo Ambrósio, um post sobre a morte da Diana que também é assunto que se presta a muitas versões.

-pirata-vermelho- disse...

Experimente considerar que não é 'auto-infligido' mas apenas 'executado' e verá que, de imediato, os lucros e vantagens de toda a natureza justificaram os meios - um proveito menor foram os próprios edifícios demolidos que garantem obras de valor e aproveitamento incalculáveis; debrucemo-nos agora sobre os 'efeitos colaterais'...

Não são só as fotografias do Pentágono que mostram -não indiciam! mostram- uma enorme encenação.

Luis disse...

A mim cheira-me a fotomontagem ...

Basílio disse...

No próprio dia 11 achei muito estranho que toda a defesa aérea dos EUA tinha falhado durante horas (os militares não cumpriram os procedimentos obrigatórios para a situação, e tiveram tempo muito mais que suficiente para interceptar todos os aviões mas não o fizeram), e ainda mais estranho a comunicação social não mencionar isso. Mas o que me despertou a atenção foi mesmo um e-mail que recebi no trabalho seis meses depois, que tinha estas imagens do Pentágono, e outras ainda mais estranhas: as primeiras fotos de todas, tiradas minutos após o embate. Esta é uma delas, que mostra dois buracos na fachada do edifício, cada um deles com poucos metros de diâmetro... A maior parte das janelas sobreviveu ao impacto:

http://killtown.911review.org/images/flight77/building/pchrlongspray.jpg

Outras fotos mostram toda a fachada, com um relvado imaculado e sem destroços reconhecíveis. Aquela secção do Pentágono só colapsou totalmente algum tempo depois, e os media só mostraram as imagens captadas a partir daí, nunca as iniciais.

Permita-me linkar um pequeno artigo que fiz sobre isto -> Realidade Virtual: Os Vídeos do Ataque ao Pentágono. Já agora, aquele documentário polémico que passou na RTP em Setembro (Loose Change - 11 de Setembro: Conspiração Interna) referia estes aspectos e pode ser visto em www.11deSetembro.net
Caro Carlos se quiser uma cópia é só dizer.

Ana Afonso disse...

Ola Carlos
Eu ja vi essa apresentacao de powerpoint e tambem me parece estranho ... mas por outro lado e dada a inteligencia diminuta do lider do "mundo livre" :) nao lhe parece um plano bem orquestado demais????
Enfim a mim parece ...
Se nao passar por aqui antes um excelente natal e um ano novo cheio de coisas boas!!!

inominável disse...

até fiquei sem compreender se sabes mesmo alemão ou se foi um comentário provocador ;)

opto pela primeira e digo que aquilo levou mesmo tempo a produzir!!!

inominável disse...

ah ah ah... o que eu me ri... com um pouco de vinho a mais o meu alemão também fica mais fluido :)

Barão da Tróia II disse...

De todos os documentários que vi, este é o único que não me deixou dúvidas, o que embateu ali no Pentágono não foi um Boeing, foi outra aeronave, qual não sei, mas um 747 não foi! Conspiração, erro,encenação, também não sei. Que os Estados Unidos ao longo da sua história, são useiros e vezeiros em barracadas destas lá isso são! Boa semana

LA disse...

Parecer, nao parece, mas que sei eu de quedas de avioes? Nada, zerinho! Sera que quando o aviao bateu, nao puxou as asas de maneira a que o buraco pareca pequeno? Parece que os buracos nas torres tambem nao parecem do tamanho do aviao que entrou para dentro!
Mas se o tal aviao nao bateu ali, onde e' que esta? Os conspiracionistas tem que explicar isso.
Nao estou a ver os americanos fazerem isso tao mal, se foram eles a espetar com dois avioes nas torres, porque e' que nao conseguiriam espetar um contra o pentagono?
A primeira, tanto faria ser um camiao como um aviao, nao percebo a necessidade de estar a mentir. Pode ate ser que haja, mas nao estou a ver.
Parece que a bandeira americana levada pelos astronautas tambem abana com o vento, na Lua...

indigenteandrajoso disse...

hitler tambem incendiou o Reichstag para que o nazismo chegasse ao poder... e conseguiu...

Ida disse...

O indigente lembrou muito bem!

Flávio Gonçalves disse...

ANda por aí muita história que tem de ser revista, lá isso anda.

4rthur disse...

A teoria da conspiração chega até a culpar os EUA pela explosão de um foguete brasileiro no Maranhão em 2004.

Está tudo aqui: http://absurdosturos.blogspot.com

AddThis

Bookmark and Share

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Jornalista; Licenciado em Relações Internacionais; Mestrando em Novos Média

Seguidores