Memórias de muitos anos de reportagens. Reflexões sobre o presente. Saudades das redacções. Histórias.
Hakuna mkate kwa freaks.











segunda-feira, julho 06, 2009

Break a leg (salvo seja...)


Não quero parecer demagógico, nem ciumento, nem invejoso… mas acho que o que se passou hoje com a sacralização de Cristiano Ronaldo ultrapassou todos os limites do bom senso e do pudor.
Cristiano Ronaldo é um belíssimo jogador de futebol. Ponto. Não é um cientista de renome, não ganhou nenhum Prémio Nobel, não se distinguiu em nada excepto a jogar à bola. Mesmo dando de barato que o futebol é um desporto do agrado da maioria das pessoas, nada justifica que todas as televisões do país tenham enveredado por dar cobertura a uma mera operação de marketing de um clube espanhol que, por manifesta falta de vergonha, decidiu pagar um balúrdio pela transferência de um jogador de futebol. No que toca à RTP, não vi nenhum serviço público na indigestão de directos realizados ao longo do dia, desde o aeródromo de Tires até ao hotel de luxo onde o rapaz foi tomar um duche antes de se apresentar à massa associativa madrilena. Quanto à SIC e à TVI, não surpreende a orientação tablóide do critério…
Resumindo, gostaria de saber quanto pagou o Real Madrid pela parceria das televisões portuguesas na operação de propaganda que montou.

9 comentários:

Ferreira-Pinto disse...

O Real Madrir pagou a quem?
Quer-me parecer é que foi ao contrário ... as nossas a pagar à REAL MADRID TV!

Rui Herbon disse...

O tempo de antena da chegada de Ronaldo a Madrid terá andado ela por ela com o de uma visita do papa a Portugal. Mas, bem vistas as coisas, ambos vestem de branco e têm os seus fiéis devotos.

Monica disse...

Subscrevo em género, número e grau! A loucura à volta do futebol, os milhões e milhões que envolve, é escandaloso!

Isabela Figueiredo disse...

O futebol substitui a religião. É a grande religião. O que se passou hoje com CR foi que o povo foi ver o ídolo sagrado. E sagrado porque joga bem, mas, sobretudo, porque vale muito dinheiro. No fundo, no fundo, o que se foi aplaudir foi o dinheiro. O miúdo está dentro da máquina e a cabeça serve-lhe toda para pensar como mexer os pés, mais nada.

MT disse...

Não vi mas não me admira nada. Nada contra o miúdo mas já farta!

inominável disse...

que putedo televisivo...

Fada do bosque disse...

Exemplo flagrante da substituição dos Valores, pela alienação.

José Teles disse...

Que se lixem todos. Eu futebol, hem! Desde que os sócios do Glorioso deram vivas e entronizaram aquele gajo que se farta de lhes dar honrosos terceiros lugares! Queria era falar-te de outra coisa: aquele anúncio do kiva! Sabes que é uma organização espantosa? Temos que falar um dia destes. Abraço

TERESA SANTOS disse...

Fiz hoje a descoberta do dia: o teu Blog. E mais uma seguidora...
Relativamente ao Ronaldo (é assim que ele se chama?) considero obsceno a cobertura das televisões - principalmente as públicas - as parangonas nos jornais, enfim, uma tristeza.

Abraço.

AddThis

Bookmark and Share

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Jornalista; Licenciado em Relações Internacionais; Mestrando em Novos Média

Seguidores