Memórias de muitos anos de reportagens. Reflexões sobre o presente. Saudades das redacções. Histórias.
Hakuna mkate kwa freaks.











sábado, fevereiro 07, 2009

Reflexos - 1

Índio brasileiro olha para o futuro.



2 comentários:

Monica disse...

Esta foto fez-me lembrar uma das personagens que me ficaram nas memórias de infância: o Cacique Juruna. Era líder de uma tribo não me recordo de que zona do Brasil, e visitava regularmente Brasília, para exigir explicações e fazer valer os direitos dos índios. Cedo percebeu que as promessas dos políticos de pouco valiam, e por isso passou a andar para todo o lado com um gravador portátil (daqueles velhinhos, de k7s!), e gravava todas as reuniões - assim, ninguém poderia desmenti-lo, e ele estava à vontade para exigir o cumprimento das promessas feitas. Há pouco tempo li uma reportagem sobre ele, fiquei a saber que morreu há alguns anos, das doenças habituais dos brancos ditos "civilizados" (diabetes, colesterol, etc) ... Mas a imagem do Cacique Juruna e do seu gravador ficou marcada na minha memória!

José disse...

Mônica,

O cacique Juruna, após adotar o gravador dos "civilizados", também se tornou um "civilizado" ao se eleger para o Parlamento brasileiro como deputado federal. Esqueceu-se de sua origem e adotou os "costumes" da classe política brasileira, transformando-se num igual.

AddThis

Bookmark and Share

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Jornalista; Licenciado em Relações Internacionais; Mestrando em Novos Média

Seguidores