Memórias de muitos anos de reportagens. Reflexões sobre o presente. Saudades das redacções. Histórias.
Hakuna mkate kwa freaks.











quinta-feira, março 09, 2006

O Poder da Arte (9)

É uma coluna, quase que se confunde com as estruturas que a rodeiam… muito originalmente, chamaram-lhe “Colonna”… Uma ideia de Gilberto Zorio, o autor. Na realidade, é um tubo de fibrocimento, daqueles que se usam nas canalizações.

3 comentários:

Caiê disse...

A arte está (também) em fazer arte daquilo que parecia não o poder ser... :)
Abraço.

Phwo disse...

O poder das escadas (4).
Que outra conotação poderá ter a palavra "colonna"?...
Continuo a ter para mim que, para ser arte, um "objecto" tem de ser produto de um processo de reflexão. Tem de haver uma justificação amadurecida para aquilo que se expõe aos olhos de um "público". Se a "coluna" ali fosse colocada de forma gratuita, então não poderia ser conotada como arte.
Digo eu...
Independentemente de toda esta "palha" [;-/ gosta-se ou não.
E eu gostei.

Isabela disse...

Alguém está interessado em montar umas instalações a meias comigo ali debaixo das arcadas do Terreiro do Paço?
Vamos ver o que se arranja ao lado dos contentores do lixo, antes de chegar a carrinha. Tenho refletido imenso sobre umas obras que queria fazer.

AddThis

Bookmark and Share

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Jornalista; Licenciado em Relações Internacionais; Mestrando em Novos Média

Seguidores